28/09/2021 – Irpen/PR – Serviço Distrital do Boqueirão: há mais de 60 anos fazendo história em Curitiba

Conheça a serventia e toda sua contribuição para o extrajudicial e a capital

 

Com o início das suas atividades no ano de 1954, o Serviço Distrital do Boqueirão teve inicialmente sua instalação no bairro Hauer, em Curitiba, com a função Notarial e de Serviço de Registro Civil das Pessoas Naturais, a Sétima Zona de Curitiba.

 

O Instituto do Registro Civil das Pessoas Naturais do Estado do Paraná (Irpen/PR) conta a história desta serventia, atualmente localizada no bairro Boqueirão, um dos maiores bairros de Curitiba, na região sudoeste do município. A titular Mônica Maria Guimarães de Macedo Dalla Vecchia conta uma curiosidade sobre o nome do bairro, afirmando que a palavra boqueirão significa grande boca, abertura de um canal ou rua que dá para o rio. “Não se sabe, ao certo, qual destes significados foi o designado para denominar uma fazenda que estava localizada muito longe do centro da velha Curitiba do século XIX, que acabou dando origem ao bairro, cujos registros de propriedade datam de 1856”, disse.

 

“No documento, consta que a fazenda possuía, aproximadamente, 1.000 alqueires, sendo grande parte de solo fértil e contendo mata nativa. Após o falecimento do dono original, as terras foram divididas em três partes desiguais que passaram a ser chamadas de propriedades Boqueirão, de acordo com os documentos da época. Os herdeiros passaram a lotear os terrenos, que foram vendidos entre 1934 a 1982”, contou.

 

Hoje em dia, a região é praticamente uma cidade independente, já que atende, por meio de serviços, uma população de aproximadamente 240 mil habitantes, abrangendo os bairros adjacentes do Alto Boqueirão, Boqueirão, Hauer e Xaxim e possuindo seu próprio Fórum Judicial.

 

Em 2017, por meio de concurso público, o cartório foi assumido pela nova tabeliã e registradora, Mônica Guimarães de Macedo Dalla Vecchia, e retomou a denominação oficial de “Serviço Distrital do Boqueirão”.

 

Por ocasião da troca de titularidade, “aproveitou-se para fazer a mudança física da sede, trazendo-a para o bairro do Boqueirão, próximo ao Terminal do Carmo, facilitando o acesso de clientes”, afirmou Dalla Vecchia.

 

O novo ambiente possui 830m2 com amplo estacionamento para carros, motos e bicicletas, estrutura para atendimento de portadores de necessidades especiais. De acordo com a titular, foi modernizado para levar à comunidade excelência em atendimento.

 

Conquistas

 

A titular conta que a serventia recebeu a certificação ABNT NBR 15906, além disso, conquistaram o feito de serem o único Tabelionato e Registro Civil no Paraná a conquistar a premiação Prêmio de Qualidade Total Anoreg/BR (PQTA) Diamante em 2018, apesar de ser a primeira vez participando. “Isso graças aos programas de mapeamento de processos, desenvolvidos no próprio cartório, maximizando os talentos internos, focando no desenvolvimento de carreira dos colaboradores”, contou. Della Vecchia afirma que os colaboradores não precisam de experiência em cartórios para ingressar na equipe, porém começam pela função de atendente de balcão. “A partir desta posição, todos têm oportunidade de crescimento, conforme forem tendo destaque em suas performances”.

 

Atuação para com a sociedade

 

O Serviço Distrital do Boqueirão possui uma atuação ativa em projetos sociais e campanhas promovidas pelas entidades de classe, como as Campanhas do Agasalho e de arrecadação de material escolar da Associação dos Notários e Registradores do Estado do Paraná (Anoreg/PR).

 

A fim de agregar ainda mais valor à sociedade, o cartório decidiu fazer uma homenagem ao distrito e à cidade de Curitiba, com uma obra do grafiteiro Gardpam para enfeitar a fachada da serventia, “reproduzindo os símbolos e pontos turísticos do Boqueirão que já são marca registrada em nosso material”, contou.

 

Titular da serventia

 

Mônica Maria Guimarães de Macedo Dalla Vecchia é titular do Serviço Distrital do Boqueirão e possui mais de 20 anos de experiência na área do direito. É bacharel em direito pela Faculdade de Direito de Curitiba, pós-graduada em Direito Imobiliário pela Universidade Positivo e em Direito Notarial e Registral pela Faculdade Arthur Thomas.

 

Ingressou na atividade Notarial e Registral, por concurso público, em 2004, como registradora de Imóveis em Rio Branco do Sul – PR. Foi designada para responder interinamente pelo 3º Serviço de Registro Civil e 15º Tabelionato de Notas de Curitiba, devido à perda da delegação da titular. Em 2017, novamente por concurso público, foi removida para o Serviço Distrital do Boqueirão.

 

Foi secretária do Colégio Notarial do Brasil – Seção Paraná (gestão 2016/2018) e presidente da mesma instituição (gestão 2018/2020). Atualmente é presidente da Anoreg/PR e do Fundo de Apoio ao Registro Civil de Pessoas Naturais do Paraná (Funarpen).

 

Para participar

 

Se o seu cartório foi o primeiro a ser instalado na cidade; se passou por uma grande mudança nas instalações; se teve alguma iniciativa ou projeto de grande impacto; se já registrou alguma grande personalidade ou algum monumento histórico do estado, entre em contato conosco e conte a história. Para participar, envie as informações para o e-mail: comunicacao@irpen.org.br.

 

Fonte: Assessoria de Comunicação – Irpen/PR

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *