24/08/2021 – CNB/CF adere à campanha Cidade Solidária

Ação social promovida pela prefeitura da cidade de São Paulo/SP centraliza doações para compra e distribuição de cestas básicas e itens de higiene pessoal.

 

Colégio Notarial do Brasil – Conselho Federal é o mais novo parceiro do programa Cidade Solitária, campanha social com intuito de prover ajuda humanitária às pessoas mais atingidas pela crise sanitária provocada pela pandemia de coronavírus. Organizado e promovido pela Prefeitura da Cidade de São Paulo o programa centraliza doações em dinheiro ou produtos para a distribuição de cestas básicas e itens de higiene pessoal, direcionados às entidades sociais pré-cadastradas e populações mais vulneráveis selecionadas por georreferenciamento.

 

Pensando na força do Notariado Brasileiro, o CNB/CF convida tabeliães a ajudarem a campanha Cidade Solidária e às pessoas mais necessitadas e vulneráveis durante o estado de calamidade pública. Pessoas físicas que queiram realizar as doações em dinheiro poderão fazer pela conta:

  • PMSP/SMDUCidade
  • Solidária CNPJ: 46.395.000/0001-39 Banco do Brasil
  • Agência 1897-X C/C 2020-6

Já os notários da cidade de São Paulo poderão fazer as doações com produtos de higiene pessoal ou alimentos não perecíveis em um dos pontos de arrecadação espalhados pela cidade. Clique aqui e veja os endereços de entrega de produtos.

 

Para a presidente do CNB/CF, Giselle Oliveira de Barros, a força do Notariado Brasileiro está em sua união não apenas para os interesses da própria classe, mas para o desenvolvimento de um país melhor e mais justo. “Somos uma instituição que conta com o reconhecimento e confiança da sociedade que, junto com seu tamanho e capilaridade, se torna uma importante presença de apoio social em tempos de crise. Acredito no uso desta força para o bem” disse a presidente.

 

Ana Paula Frontini, diretora do CNB/CF e responsável pela aproximação entre o Conselho Federal e a campanha, ressalta que “a pandemia nos mostra a fragilidade da vida e a vulnerabilidade de muitas famílias que, com pequenos gestos, ganham alento e esperança para seguirem em tempos difíceis”, e completa, “se temos o poder de nos comunicar como uma só classe em todo o Brasil, podemos então nos unir em um ideal de fraternidade”, disse.

 

De maio de 2020 a março de 2021, mais de 2,4 milhões de cestas básicas foram distribuídas junto com 2,8 milhões de máscaras, 2,3 mil marmitas da Rede Cozinha Cidadã, 1 milhão de kits de limpeza e higiene, 4 toneladas de ração para cachorros e 220 mil litros de água.


“O programa Cidade Solidária nasceu da soma de esforços para prover ajuda humanitária às pessoas mais atingidas pela crise causada pela pandemia do coronavírus”, disse Claudia Carletto, Secretária Municipal de Direitos Humanos e Cidadania (SMDHC), pasta que atualmente coordena o projeto. “O reforço que a cidade recebe do Conselho Federal do Colégio Notarial do Brasil, nos ajuda a ampliar esse trabalho, diante de um processo de empobrecimento da população, sobretudo da faixa mais vulnerável. Neste contexto, é importante que toda a sociedade se engaje no programa, seja doando, ou divulgando a ação.”, completou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *