10/08/2021 – ConJur – Alesp aprova instalação de três novos cartórios na região de Campinas

Os distritos de Ouro Verde e Campo Grande, os maiores de Campinas, e também os municípios de Hortolândia e Jarinu, no interior de São Paulo, receberão novos cartórios de registro civil, títulos, documentos e de imóveis.

 

Após aprovação pelo Órgão Especial do Tribunal de Justiça de São Paulo em abril deste ano, a Assembleia Legislativa (Alesp) também deu parecer favorável à instalação dos novos cartórios no último dia 4.

 

A proposta é de autoria do deputado estadual Rafa Zimbaldi. “Essa conquista é de toda a população dos dois maiores distritos de Campinas, que nunca deixou de reivindicar esse benefício”, disse o parlamentar.

 

Os cartórios nos distritos de Ouro Verde e Campo Grande representam um importante salto de qualidade para a população da região, que chega a cerca de 500 mil habitantes.

 

“Esses dois distritos equivalem a uma grande cidade e não fazia sentido o cidadão ser obrigado a percorrer 15 quilômetros para chegar ao centro da cidade para usar os serviços do cartório”, afirmou Zimbaldi.

 

Sobre os três novos cartórios

 

Ouro Verde e Campo Grande – Instalação do cartório de Registro Civil e Tabelião de Notas dos distritos de Ouro Verde e Campo Grande, que reúnem cerca de 100 bairros de Campinas.

 

Município de Jarinu – Cartório de registro de imóveis, títulos e documentos e registro civil de pessoa jurídica, protesto e títulos.

 

Município de Hortolândia – Cartório de registro de imóveis, títulos e documentos e registro civil de pessoa jurídica, protesto e títulos.

 

Fonte: ConJur

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *