06/04/2022 – Prefeito dá início ao processo de regularização fundiária das Chácaras Maria Carolina I, II e III

Após anos de espera, os moradores das Chácaras Maria Carolina I, II e III começam a vislumbrar a garantia jurídica de propriedade de suas áreas. Ontem (05), o prefeito Roberto Dorner (Republicanos), na companhia de vereadores e liderança do bairro, esteve reunido com os moradores dessas chácaras para apresentação do processo de regularização fundiária. O encontro foi no próprio loteamento.

 

“Esse é um trabalho que está só começando e que daremos continuidade depois porque em Sinop há muitos loteamentos de chácaras que precisam ser regularizados. É algo que prometemos lá atrás e que estamos começando a cumprir. Queremos terminar a gestão, se não concluirmos tudo, pelo menos com os que faltarem, já encaminhados”, disse Dorner.

 

O processo realizado pela empresa Fundação de Apoio à Educação e ao Desenvolvimento Tecnológico do Rio Grande do Norte (Funcern), dentro do projeto Escritura na Mão, lançado pela Prefeitura de Sinop, inicia nesta quarta-feira (06) com trabalho de campo para levantamento de moradores e características dos lotes.

 

“Junto com a gestão do prefeito Roberto Dorner a gente vem trabalhando há algumas semanas nesse projeto na cidade. Já demos início, em outros bairros, aos levantamentos da parte cadastral, do georeferenciamento, parte urbanística, arquitetônica e jurídica, que são processos que compõe o projeto de Reurb [Regularização Fundiária Urbana] para estarmos regularizando e entregando a escritura na mão de cada beneficiário, de cada família que a gente vai atender”, comentou o responsável técnico da fundação, Diego Melo.

 

Para o representante desses bairros na comissão de regularização, Simon Gimenez, o trabalho representa um alívio para os moradores que há tanto tempo tem buscado junto aos poderes a regularização desses loteamentos que estão inseridos, há algum tempo, dentro do setor urbano, mas ainda com característica e registro rural.

 

“Sim, é um trabalho que vem sendo desenvolvido desde muito tempo, mas nunca conseguimos regularizar as chácaras do Maria Carolina I, II e III. Então hoje é um marco para nós e quero parabenizar a todos vocês e o prefeito Roberto Dorner pelo trabalho que está fazendo em parceria com a Câmara de Vereadores. Foi uma luta grande com documentos iniciais que tivemos que fazer e hoje estamos prestigiando o, enfim, início dessa regularização”, comentou.

 

Além da segurança jurídica, Simon destaca que a regularização também impacta na qualidade de vida para os moradores e promove valorização de seus lotes. “Muda muita coisa, começando pela qualidade de vida, porque teremos em mãos um documento que nos garante que somos proprietário de nosso lote. Antes tínhamos apenas um contrato com a imobiliária. Também a valorização da área. Com a escritura o valor da propriedade, praticamente duplica. Sem contar que o Maria Carolina é a única chácara que fica dentro da cidade”, explicou.

 

O prefeito assegurou, ainda, durante o evento, que “nesses seis primeiros meses, faremos a entrega de 1 mil títulos na área urbana e 1 mil títulos na Gleba, que é a área rural”.

 

Fonte: Prefeitura de Sinop

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *