05/01/2022 – Bem Paraná – No ano mais trágico da pandemia, Paraná registra recorde de mortes em 2021

2021 chegou ao fim e entra para a história paranaense como o ano mais trágico para o estado. Com o Paraná tendo enfrentado ao longo do primeiro semestre os momentos mais graves da crise provocada pela pandemia do novo coronavírus, o ano passado chegou ao fim com recorde de falecimentos, sendo que uma grande parte deles teve a Covid-19 como causa confirmada ou suspeita do óbito. Ao mesmo tempo em que os falecimentos atingiram patamar inédito, os nascimentos tiveram queda pelo quarto ano consecutivo. Os dados são do Portal da Transparência do Registro Civil e foram compilados neste domingo (2 de janeiro) pelo Bem Paraná.

 

Ao longo de 2021, um total de 106.886 pessoas faleceram no estado, valor que supera, com larga diferença, o recorde registrado anteriormente em 2020 (primeiro ano da pandemia), quando 80.030 paranaenses morreram. A diferença entre um e outro ano é de 33,6%.

 

A crise sanitária, inclusive, explica em grande medida a alta nos óbitos no Paraná. No primeiro ano da pandemia do coronavírus, 10.334 pessoas tiveram no atestado de óbito a Covid-19 como causa suspeita ou confirmada para o falecimento. No ano passado, contudo, a doença pandêmica fez 31.693 vítimas, o que significa que o número de mortes provocadas pelo coronavírus mais que triplicou – um aumento de 206,7%.

 

Há de se destacar, no entanto, a diferença entre o primeiro e o segundo semestre de 2021. Entre janeiro e junho do ano passado foram registrados 61.005 óbitos no Paraná, sendo a Covid-19 responsável por 24.605 falecimentos (40,33% dos registros). Já entre julho e dezembro houveram 45.884 mortes no estado, com o coronavírus aparecendo como causa suspeita ou confirmada em 7.088 dos registros (15,45%). É a vacina contra o coronavírus prevenindo mortes e, consequentemente, preservando vidas.

 

NASCIMENTOS CAEM 4,3%

O número de nascimentos no Paraná, por sua vez, caiu pelo quarto ano consecutivo, registrando variação negativa de 4,3% na comparação com 2020: em 2021 nasceram 141.867 bebês no estado, enquanto no ano anterior foram 148.167. Ao longo do 1º semestre do ano passado foram registrados 74.961 nascimentos, enquanto no segundo semestre esse número caiu 10,8%, para 66.906.

 

Por fim, importante ressaltar que os números, especialmente os de nascimentos, são parciais, ou seja, ainda podem e devem sofrer alguma alteração (principalmente os dados mais recentes, de dezembro, por conta dos prazos legais para inclusão dos registros no sistema central dos cartórios).

 

NÚMERO DE ÓBITOS NASCIMENTOS NO PARANÁ, ANO A ANO

ÓBITOS

2021: 106.886

2020: 80.030

2019: 73.139

2018: 75.238

2017: 73.987

2016: 76.935

2015: 72.866

 

ÓBITOS POR COVID-19

2021: 31.693

2020: 10.334

 

NASCIMENTOS

2021: 141.867

2020: 148.167

2019: 159.050

2018: 160.778

2017: 162.724

2016: 159.795

2015: 165.847

Fonte: Portal da Transparência do Registro Civil

 

Fonte: Bem Paraná

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.